alheira

Como cozer camarão congelado: como preparar e quanto tempo é preciso?

Cozer camarão congelado pode ser um desafio para quem não conhece as técnicas certas, mas fazer petiscos e entradas com este fruto do mar acaba por ser mais fácil para quem está preparado para o que vai enfrentar.

A maior parte do camarão que se encontra à venda é camarão congelado. Existem várias formas de proceder para o preparar e vamos apresentar aqui as mais comuns e que dão certo. Depois escolha aquela que for mais prática para si. Se seguir as dicas apresentadas, de certeza que vai dar certo.

Claro que pode testar todas as dicas e depois escolhe aquela que deu melhor resultado para si.

Como cozer camarão congelado para ficar no ponto certo

Acertar o ponto do camarão é fundamental para que ele fique perfeito. Existem algumas técnicas que podem ser usadas e vamos deixar aqui as duas mais comuns.

A primeira baseia-se em cronometrar o tempo depois de levantar fervura. A segunda é reconhecer visualmente quando o camarão está pronto.

Impressione os seus convidados e família com os melhores eBooks de receitas deliciosas.

Antes de explicá-las, vamos entender o que é o ponto certo do cozimento do camarão. A carne do camarão cru é translúcida, à medida que vai cozendo, ela vai-se tornando branca. É quando ela fica toda branca que o ponto foi atingido.

Se, depois de estar cozido, deixarmos o camarão mais tempo na panela, ele vai passar do ponto e a textura dele será tipo borracha o que estraga a experiência.

Se, por acaso, acontecer algum incidente e notar que o camarão já cozinhou mais tempo do que devia, só há uma coisa a fazer: deixar mais uns bons minutos a ferver.

Este ponto de “borracha” é passageiro. Depois de alguns minutos desaparece. O inconveniente é que assim terá que demorar mais tempo para apresentar o prato. Para garantir que o camarão passou o ponto borracha só há uma forma, provar.

Quanto tempo deve o camarão cozinhar?

Há duas formas de garantir que o camarão fica no ponto. Falando da primeira, apresentada acima, é necessário que tenha um cronómetro para a poder usar. Pode utilizar um de cozinha ou mesmo o seu telemóvel.

O tempo de cozimento começa a ser contado quando a água, depois de colocar o camarão, volta a ferver. O tempo depende diretamente do tamanho do camarão.

Se for camarão pequeno, assim que começar a ferver, deve retirar do fogo. Para o camarão médio, o tempo varia entre 3 a 5 minutos. Os camarões grandes precisam de um pouco mais de tempo, 5 a 7 minutos, regra geral.

Os tempos sugeridos não são fixos porque há um outro fator a ter em conta: o fogão. Se for mais fraco, precisa de mais tempo. A outra forma de garantir que o camarão está no ponto é visualmente.

Já reparou que todo o camarão, quando cru, está direito? À medida que o camarão vai cozinhando, vai ficando curvo e a cauda se aproximando da cabeça.

Este é o segredo para garantir que o camarão está perfeito. Depois de o colocar na água a ferver, preste atenção ao que vai acontecendo. Quando a cauda ficar quase a tocar na cabeça, é hora de retirar o camarão para não passar do ponto certo.

Com muitos camarões, retire aqueles que vão ficando cozidos ao longo do tempo. Por vezes temos camarões de tamanhos diferentes entre si, embora sejam do mesmo calibre e com a dica visual, pode garantir que todo o camarão fica no ponto. Aqui a experiência é a chave para acertar sempre.

Leia também: Como cozer polvo congelado para ficar tenro: quanto tempo é o ideal?

Duas receitas para cozer camarão congelado

A primeira receita para cozer camarão congelado é a mais tradicional. A nossa sugestão é uma receita base que pode enriquecer usando as dicas que já aprendeu aqui. Com a repetição, começa a fazer a sua própria receita.

Ingredientes necessários:

  • 1 kg de camarão
  • 2,5 litros de água
  • 3 colheres de sopa de sal

Modo de preparação

  1. Coloque a água na panela e leve ao lume.
  2. Quando estiver a ferver, adicione o camarão.
  3. Para garantir que está cozido, siga uma das dicas acima.
  4. A mais prática é verificar se a cauda do camarão quase toca na cabeça.
  5. Retirar do fogo, escorrer e dar o choque térmico.
  6. Mantenha no frigorífico, tapado, até o momento de servir.
  7. Enfeite com gomos de limão antes de levar para a mesa.

Esta segunda receita fica com um sabor intenso a limão. Tem muitas pessoas que a apreciam muito. Experimente apenas se gostar muito do sabor a limão.

Ingredientes necessários:

  • 3 limões cortados às rodelas
  • 1 kg de camarão
  • sal q.b.
  • água quente q.b

Modo de preparação

  1. Coloque as rodelas de limão no fundo de um tacho.
  2. Por cima, disponha os camarões.
  3. Polvilhe com sal, cubra com água quente e deixe cozinhar em fogo médio.
  4. Depois de cozido, arrefeça rapidamente o camarão para parar o cozimento.

Cozer camarão congelado ou deixá-lo descongelar?

Uma das questões mais frequentes é esta: devemos cozer o camarão congelado ou devemos descongelar antes de o levar à água? Será que o resultado final é influenciado? A única diferença é o tempo de cozimento. o resultado final não sofre qualquer alteração.

O que acontece é que, quando o camarão está congelado, a água vai demorar mais tempo a ferver e isso atrasa um pouco a receita. Só que a diferença pode ser apenas de 2 ou 3 minutos, não é considerável.

No entanto, se se sentir mais confortável, pode deixar o camarão descongelar antes de cozer. Para isso retire-o do congelador e coloque no frigorífico, umas horas antes de o preparar.

Tenha em conta que é importante ele ficar no frigorífico, pois o camarão pode estragar rapidamente se não estiver no frio.

Uma solução rápida para diminuir o tempo de cozimento, mesmo usando o camarão congelado, é passar por água corrente imediatamente antes de o colocar na panela.

Como deixar o camarão com cor mais forte?

Todos gostamos de ver o camarão bem colorido. E sim, há um segredo que permite que ele fique assim. Sabia que a casca da cebola é um excelente corante natural? É esta casca que é usada para dar mais cor ao camarão.

Deve usar as cascas mais exteriores e bem secas, pois são elas que passam o seu pigmento para a casca do camarão. A quantidade é a olho. E pode ficar tranquila, o sabor a cebola não passa para o camarão, só mesmo a cor.

Como temperar a água do cozimento

Este ponto é muito controverso em chefs que defendem que a água deve estar temperada e outros que dizem que isso não é fundamental.

É fundamental testar. Nada supera, na cozinha, o teste do paladar. A técnica pode ser excelente, a apresentação maravilhosa, mas o paladar é crucial. Então teste e depois adote os temperos que mais gostar.

Água e sal

Até o tempero da água usando só o sal é controverso. Uns dizem que é importante colocar muito sal na água e outros apenas deve ter o suficiente para a água ficar saborosa.

O camarão não vai absorver o sal, seja pouco ou muito. Então a nossa sugestão para si é que tempere como se fosse uma sopa. Depois pode usar a água como um caldo de marisco para fazer um arroz ou outro prato com sabor a mar. A água tem vários nutrientes e por isso, fazer o seu aproveitamento é uma forma de estar a nutrir o seu corpo.

Ervas aromáticas

O sabor é muito subtil, no entanto pode temperar a água com ervas aromáticas. Aqui a combinação vai de acordo com o seu gosto pessoal. As mais usadas são o louro, o tomilho e o alecrim

Use apenas uma ou combine duas para ficar bem ao seu gosto. Tenha em conta que assim a água ainda fica mais saborosa para reutilizar depois.

Pimentas e piri-piri

Outra opção muito comum é colocar pimentas e/ou piri-piri na água para cozinhar os camarões. Para muitas pessoas, comer camarão com um toque picante faz toda a diferença.

A quantidade é a gosto. Aqui faz diferença colocar logo na água. A casca absorve um pouco e como a maior parte das pessoas leva a casca à boca, vão logo sentir aquele toque.

Neste caso já fica mais condicionada para usar a água. Há que a use para fazer os rissóis de camarão, por exemplo.

Alho

Um outro tempero muito comum é o alho. Basta esmagar e colocar na água. Pode usar apenas com sal ou combinado com qualquer outro dos temperos acima referidos.

Formas de fazer o choque térmico

O choque térmico, neste caso, é o processo de arrefecimento rápido do camarão, quando está cozido. Pode ser feito com água e gelo, mergulhando os camarões na mistura. Outro processo é colocar apenas no gelo e envolver bem.

O terceiro processo é colocar o camarão num tabuleiro, cobrir com um pano molhado e levar ao congelador durante 30 minutos. É importante manter os camarões cobertos para não perderem a humidade.

Qualquer destes processos pode ser usado em qualquer receita. No final é só abrir uma garrafa de vinho verde ou branco e desfrutar dos camarões.

Veja mais receitas deliciosas no nosso livro de receitas e impressione todos os seus amigos e familiares. Clique na imagem para saber mais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

back to top